Estas são correntes com elos feitos em madeira maciça. Mas o maior detalhe é que os elos não possuem emendas. Não foi eu o autor desta "obra de arte"... (quem sabe um dia eu chego lá, não é! rs) O dono desta proeza é o meu pai, o Sr. Jonas.



Aproveite e siga o Instagam Edem marceneiro e curta a página Edem Marceneiro no Facebook.


Em uma certa época, ele resolveu tentar fazer uma pequena corrente sem emendas. Pegou um pequeno pedaço de cedro, algumas ferramentas... e não é que saiu a correntinha! Aí ele ficou animado e resolveu que iria tentar fazer outras obras do gênero. Foi quando surgiu as obras mais bonitas.



A partir de um pedaço de prancha de jatobá, saiu a segunda obra, uma corrente em que três elos prendem-se a um elo e este, prende-se a três e por aí vai. Muito bacana!


Depois, resolveu fazer uma em que, o interessante dela, é que não dá pra saber onde ela começa ou termina. Qual é o primeiro elo? Qual seria o sétimo? Perguntas sem respostas, pois todos surgiram do mesmo pedaço de prancha do cedro.


Já o último não dá nem pra explicar (nem Freud explica... rs). Inclusive, ele mesmo me disse que não tinha em mente o plano do que iria ser feito, apenas pegou o cedro e começou a cortá-lo. Mas ficou bem legal! São elos menores que se unem a outros elos maiores, que mesmo sem um projeto, teve sim uma certa lógica.


Eu não cheguei a medir o tamanho exato dessas peças, mas vou colocar aqui algo aproximado, apenas para que vocês tenham uma certa noção de suas dimensões. Os elos, em sua maioria, têm aproximadamente 11 x 7 cm, os elos que são quadrados têm aproximadamente 16 x 16 cm e o diâmetro da corrente em círculo é de uns 60 cm.

Uma obra muito legal, que quando é apresentada aos amigos, todos declaram que ainda não viram nada parecido. E você, já viu alguma coisa assim neste estilo de trabalho?

É um prazer muito grande estar postando esta matéria sobre um trabalho do meu pai, o homem que me colocou dentro da marcenaria, me introduziu no ramo moveleiro, a pessoa com quem eu aprendi boa parte de tudo o que eu sei, e na boa, continuo aprendendo com ele até hoje!

7 Comentários



Gostou desta postagem?
Faça seu comentário sobre o que acabou de ler e ver.
Caso queira tirar alguma dúvida ou entrar em contato para orçamentos, utilize o Formulário de Contato.
Obrigado.

  1. Olha verdadeiramente é muito interessante essas correntes feitas pelo srº Jonas.
    Particularmente nunca vi algo parecido, meus parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Edem, não deve ser fácil fazer correntes sem elos, ainda mais em madeira, você deve ser um ótimo profissional, e adorar sua profissão.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Olá, Lúcia!

    Essas correntes quem fez foi meu pai e não foi fácil mesmo. Ele gastou um bom tempo fazendo. Eu mesmo fico admirado com essa obra dele.

    ResponderExcluir
  4. Oi Edem,
    Não é Floyd. É Freud onome do pai da psiquiatria quem explica os complexos problemas da mente. Qd é cavernoso demais usamos a expressão: "Esta nem Freud explica" Podemos usar como exemplo o caso da promotora que adotou uma criança de dois anos e a torturou. Como explicar esta loucura?
    Um abraço
    Lourdes

    ResponderExcluir
  5. Olá, Maria de Lourdes!

    Muito obrigado pelo toque! Eu quis escrever isto, mas não sabia ao certo. Cheguei a pesquisar, mas não pelo visto não encontrei o correto... rs
    A palavra já foi corrigida. Valeu mesmo!
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. Olá Edem,
    Super interessante o trabalho de seu pai.Sugiro que vc use Pu para pintá~los e colocá-os à venda.As cores do momento são pastéiis,mas cores primárias são sempre bem vindas.Estas corrente dão um belo efeito se coloridas e penduradas na parede.Vale pintar cada ela de uma cor também...
    Pense a respeito.Este trabalho merece ser reconhecido.É altamente decorativo!
    Boa sorte,
    Vera

    ResponderExcluir
  7. Fantásticas essas corrente, de fato incríveis! Parabéns!

    ResponderExcluir

Postar um comentário



Gostou desta postagem?
Faça seu comentário sobre o que acabou de ler e ver.
Caso queira tirar alguma dúvida ou entrar em contato para orçamentos, utilize o Formulário de Contato.
Obrigado.

Postagem Anterior Próxima Postagem